Desejo a todos um Bom 2016!

Estava numa aflição. Acabar-se assim o seu reinado parecia-lhe prematuro. Ficara tanto por fazer.

Mas precisava de entrouxar os tarecos. Depressa se apercebeu de que não cabiam na maleta com que chegara. Decidiu-se por levar apenas as coisas boas que haviam acontecido. Foi preciso apertá-las, afinal eram mesmo muitas! Pôs-se a caminho.
Cruzou-se com o Ano Novo que chegava. Já fora assim, pensou. Cumprimentaram-se e, num impulso, deu-lhe a mala. Pareceu-lhe a solução certa. Partiu, então, descansado.

Margarida Fonseca Santos, 55 anos, Lisboa

Desafios nº 28 e 29 – Natal e Passagem de Ano
Ilustração de Carla Nazareth

A escritora vem à minha escola!

Pois é, tive o privilégio de escrever este livro com a Maria Teresa Maia Gonzalez, e foi fantástico.
Um livro que dedicamos a todos os nossos colegas de profissão, a todos os professores que nos recebem com tanto carinho e a todos os jovens que nos fazem acreditar que é possível fazer a diferença!
Sinopse: Quando Luísa Silveira regressa das férias de Natal e inicia o segundo período do 8.º ano, aguarda-a uma boa surpresa: a D.T. está a pensar convidar uma escritora para ir à escola e, pasme-se, essa escritora é a escritora PREFERIDA da LU. Mas até o grande dia chegar, decorre um longo período de tempo. É necessário que a Luísa e os outros colegas fiquem a conhecer a obra da autora, além de escrever o convite, pensar nas perguntas a colocar no dia da visita, preparar a sua receção… Entretanto, muitas outras coisas acontecem dentro e fora da escola, dentro e fora da família – a Luísa não tem mãos a medir! Vem daí: ela conta-te tudo…

Novo horário para as 77 palavras na Rádio Sim

Olá a todos!

A partir da próxima semana, o apontamento das 77 palavras na Rádio Sim muda de horário! E recebemos mais uma voz nas 77 palavras.
A Inês Carneiro junta-se à Helena Almeida e a mim, ao lermos as histórias.

O programa é «Giras e Discos», na Rádio Sim, e as 77 palavras passam às 17h45.

Giras somos, não somos?

Agenda IAC

Lançamento da Agenda IAC 2016 em Lisboa

O Instituto de Apoio à Criança irá fazer o lançamento da AGENDA IAC 2016 – Pela Defesa e Promoção dos Direitos das Crianças no próximo dia 28 de novembro, sábado, pelas 16 horas, no Centro Ismaili, sito na Avenida Lusíada nº 1, Lisboa (perto da Loja do Cidadão, nas Laranjeiras).
Esta sessão conta com a presença de António Torrado, Fernando Cardoso, Margarida Fonseca Santos, Luísa Ducla Soares, Sara Rodi, Sílvia Alves, Raquel Palermo, Tiago Amador e de Cláudia Manata (IAC), sendo moderada pela Prof.ª Dra. Lídia Marôpo, Investigadora na área dos Direitos da Criança e Professora Adjunta no Instituto Politécnico de Setúbal.


A magia das cartas

Já saiu!
É o livro de Natal dos CTT - Filatelia.
As ilustrações, espantosas, são da Carla Nazareth, ficou muito bonito e cheio de magia de Natal.

Espreitem!
Esta nas lojas CTT e aqui:
http://bit.ly/LojaCTT_MagiaDasCartas

O lançamento, ontem

Aqui fica uma imagem do lançamento de «Bicicleta à chuva», ontem na Fnac do Vasco da Gama.

Obrigada à Booksmile por me ter acolhido na editora e apostado nesta colecção;
Obrigada a todos os amigos (tantos!) que estiveram comigo, connosco.
Agradecimento especial à Dália Santos, uma amiga muito especial, pois conhecemo-nos pelos livros e ficámos ligadas para sempre, e que fez uma apresentação magnífica!

Livraria Arquivo - 22 out às 18h30

Lá estarei, com a editora, Joana Mendes (Edicare), e a ilustradora, Joana Jesus.
Falando de quê?

Da nossa mente, pois claro!


Saiba mais aqui: http://margaridafonsecasantos.blogspot.pt/2015/05/altamente.html

Novo livro dos 7 irmãos

Nada fácil, resistir ao turbilhão a que o Manuel está a ser sujeito, mas ele consegue!

Descobre como!

Manuel Resiste à Tempestade

Coleção 7 irmãos
Margarida Fonseca Santos e M João Lopo de Carvalho

Leiam aqui a sinopse!

O formigueiro avariado

Acabadinho de chegar!

O formigueiro avariado

com ilustrações magníficas de 

Natalina Coias

com Edição Clube do Autor

Sinopse:
O que faz uma formiga ao lado de Sebastião?! Bom, a formiga fartou-se de viver num formigueiro… avariado! Por lá, tudo funciona mal, ninguém segue regras nem cumpre deveres, está tudo desarrumado, a falta de respeito impera, é um caos. Se queres saber como se «conserta» um formigueiro, é simples: lê esta história!  Acho que vais aprender a consertar mais coisas.

Sai no dia 24 de Setembro!

Formação de Professores na Criatividade

CENTRO DE FORMAÇÃO DA
ASSOCIAÇÃO EDUCATIVA PARA O DESENVOLVIMENTO DA CRIATIVIDADE
AÇÕES DE FORMAÇÃO PARA PROFESSORES 2015                      

CURSO N24/15: ESCRITA CRIATIVA NA ESCOLA: CRESCER A ESCREVER
Margarida Fonseca Santos
Setembro: 29; Outubro: 6, 13 e 27; Novembro: 3, 10, 17 e 24; Dezembro: 1 e 8 (19.00-21.30)
25h online - Formação totalmente a distância com sessões online às terças

1 crédito - Educadores de Infância e Professores dos Ensinos Básico e Secundário (Todos os grupos)

Popota na Escola

O desafio foi gigantesco: contar uma parte da infância da Popota...
Comigo, o Paulo Galindro, num primeiro trabalho conjunto que adorei!
Acho que conseguimos contar uma história onde amizade, solidariedade, inclusão, gestão de conflitos e arte se juntam. 
Já anda por aí, podem espreitar. Eu estou mesmo muito feliz com o resultado final. Espero que gostem!
Um agradecimento especial à Booktailors e à SONAE.


Plano Nacional de Leitura

«O Boião Mágico»
Ed. Presença
PNL - 3º ano, leitura autónoma

«Chamem-lhes Nomes»
Texto Ed. - Leya
PNL 3º ano, leitura orientada

«Rafaela»
Ed. Presença
PNL - 4º ano, leitura autónoma

«Um Pombo Chamado Colombo»
Ed. Presença
PNL 5º ano, leitura orientada

«Prémio Asa de Prata»
Ed. Presença
PNL - 5º ano, leitura autónoma

«Quero Ser Escritor»
Oficina do Livro - Leya
PNL - 5º ano, leitura autónoma

«7x25 - Histórias da Liberdade»
Gailivro - Leya
PNL - 5º ano, leitura autónoma

«Uma Questão de Azul-Escuro»
Gailivro - Leya
PNL - 6º ano, leitura orientada

«O Peixe Azul»
Ed. Presença
PNL - 6º ano, leitura autónoma

«Maria, os segredos da irmã mais velhas»
Oficina do Livro - Leya
PNL - 6º ano, leitura autónoma

«O Domínio do Dominó»
Texto Ed. - Leya


PNL - 5º e 6º ano, leitura orientada,
alunos sem hábitos de leitura

«7x11, Histórias do Futebol»
Gailivro - Leya


PNL 5º e 6º ano, leitura orientada,
alunos sem hábitos de leitura

«7x1910, Histórias da República»
Gailivro - Leya


PNL - 3º ao 6º ano, apoio a projectos,
História de Portugal

«Desarrumar»
Gailivro - Leya


PNL - Pré-escolar ao 2º ano, apoio a projectos,
Ciências - Temas

«Falha de Cálculo»
Gailivro - Leya


PNL - 3º ao 6º ano, apoio a projectos,
Ciências - Temas

«Conversa de Elefantes»
Everest
PNL - Pré-escolar ao 2º ano, apoio a projectos,
educação para a cidadania

«O Segredo da Floresta»
Genius y Meios
PNL - Pré-escolar ao 2º ano, apoio a projectos,
Artes

«Uma prenda muito especial»
Ed. Presença
PNL - 3º ao 6º ano, apoio a projectos,
Natal

«O Primeiro Natal do Frik»
Ed. Presença
PNL - 3º ao 6º ano, apoio a projectos,
Natal

Foi AltaMente bom!

Cá estamos nós, eu e a Joana Jesus, a ilustradora.

Fomos visitadas por imensos amigos, estivemos sempre acompanhadas.

Um agradecimento especial à EDICARE, que fez com que este sonho chegasse a bom porto, à Joana Mendes, editora do livro, Mafalda Amaral, a nossa super-boss!

Altamente na Feira do Livro dia 14

Este é o resultado de muito trabalho, muita paixão e muitos resultados reais que nos fazem pensar: afinal, a nossa mente é muito mais nossa amiga do que pensávamos!!! 


Alta

mente


Venham daí, o livro ficou lindo! Um enorme agradecimento à Edicare - os sonhos passaram a realidade com o vosso carinho.

As ilustrações são de Joana de Jesus
Mais informações aqui



Sessão de autógrafos, Feira do Livro de Lisboa, 14 de Junho, às 18h
EDICARE EDITORA
B26-B28-B30
Mapa da Feira


Altamente!!!

É verdade - está finalmente pronto o livro de Treino Mental, ALTAMENTE

A Edicare apostou nele com tanto entusiasmo como eu, e estará protinho para a Feira do Livro.
As ilustrações são de Joana Jesus.

O que é este livro? Deixo-vos aqui o texto que o descreve:

«Se está com este livro nas mãos, deseja certamente mudar alguma coisa na sua vida, ou na dos seus filhos e/ou alunos. Todos nós, num momento ou noutro, já tivemos a sensação de lutar com a nossa mente, sem saber como dominá-la.
Quando as coisas correm bem, achamos que tivemos sorte. Quando correm mal, achamos que somos incapazes, fracos ou que alguém nos boicotou.
Será verdade? Não, de todo.
Quase sempre, fomos nós, a nossa mente, a provocar o desfecho, bom ou mau. É sobre isso que vamos falar! Vamos descobrir como podemos ser mais positivos, mais atentos e eficazes, mais seguros, e, sobretudo, como podemos ensinar as crianças a fazê-lo.

Venha perceber como a mente e os objetivos podem ter um resultado altamente benéfico para todos!»

Curso em Ponta Delgada

WORKSHOP DE ESCRITA CRIATIVA PARA ADULTOS
Margarida Fonseca Santos em S. Miguel

A escritora vem a São Miguel já no dia 26 de Maio com a sua editora (Leya).
O EscreVIVER (n) os Açores não quis perder a oportunidade de trabalhar com esta autora e organizou um workshop de escrita criativa para adultos que decorrerá a 26 e 27 de Maio, em horário pós-laboral, nos Ginásios Da Vinci.
Para inscrições e mais informações, os interessados devem contactar o EscreVIVER através do email escreviveracores@hotmail.com

Conheces alguém assim? - lançamento

18 de maio | 10:30 | EB 2,3 José Cardoso Pires Amadora 

Com a presença de:

Secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário, Fernando Egídio Reis 
Diretora do Agrupamento de Escolas José Cardoso Pires, Cristina Madaleno
Margarida Fonseca Santos (escritora)  e Raquel Pinheiro (ilustradora)
Comissário do Plano Nacional de Leitura, Fernando Pinto do Amaral 
Secretária de Estado dos Assuntos Parlamentares e da Igualdade,  Teresa Morais

Um livro para ler!


De Vera de Vilhena

Acabei ontem à noite a leitura deste extraordinário livro. Que pena chegar ao fim!
Este livro, do género fantástico, mostra-nos a mestria de Vera de Vilhena ao escrever, não só na forma, como no conteúdo, e na vastidão de interpretações que pode suscitar. Que grande livro!
Não quero contar o enredo, para que a leitura não perca a sua magia, mas posso dizer-vos as perguntas que em mim suscitou:
– É preferível saber toda a verdade, ou podemos viver melhor com alguma dose de esquecimento?
– Esta vida que levamos, feita de pressas, corridas de vária ordem, de angústias e contas (do que recebemos, do que damos, do que poderíamos ter, do que outros têm), faz sentido assim, ou poderíamos trocar tudo isto por um tempo mais tranquilo que nos permitisse apreciar cada dia como o único?
– Quais os limites entre protecção e manipulação? Queremos ser protegidos, ou não? E abdicamos de quê?
– A simplicidade pode, ou não, estar aliada à felicidade real?
E poderia continuar…
Acredito que um livro que nos provoca, que nos deixa ora a favor, ora contra, que nos obriga a pensar se, na mesma situação, faríamos o mesmo, cumpre na íntegra o papel da arte: provocar, suscitar dúvidas, fazer crescer, ganhar consciência do nosso mundo e do mundo dos outros.
Parabéns à Vera de Vilhena – espero que o próximo não demore muito a aparecer!
Deixo-vos a sinopse, já que é pública… E mais não digo. Leiam!


Nesta narrativa fantasiada, com um pé na realidade, o leitor irá conhecer Mnemon, o rapaz que não dorme; Oto, o gigante ciclope; Rigoletto, o Repórter; Organtina, a ninfa do lago; Eloque, o Orador; Ratatosk, o corcunda; Furfuris, o duende doméstico…e muitos outros seres tornados extraordinários, no dia em que Melquisedech os subtraiu ao Outro Mundo, para lá do Mare Ignotum, e os levou para a Ilha de Sono, onde ninguém entra e de onde ninguém sai. Encerrados na sua própria idade pela magia deste druida feiticeiro, usam o talismã que os mantém protegidos, numa frágil cúpula, a salvo de angústias e maldições. Habitam um lugar limpo e sedutor e têm a profissão no nome. Ninguém nasce, ninguém morre. As mulheres usam a lã de ouro dos rebanhos para esfregar tachos e escudelas. Cristalina, a Árvore do Esquecimento, é o freixo que amadurece cristais multicolores, a moeda de troca que as cuique suums entregam em cada casa. Conseguirá Melquisedech manter este mundo perfeito, onde todos parecem viver felizes?

Dia Internacional do Livro Infantil

Uma história em 77 palavras, com ilustração de Francisca Torres, e que saiu na revista
Pais&Filhos há uns anitos...
Porque a leitura faz voar

Era uma vida simples de lagarta. Acordar, comer, rastejar, conversar… Vivia entretida no meio das folhas, tinha tudo o que precisava.
Certo dia, quis viver num mundo só seu. Construiu um casulo e isolou-se. Mas não estava triste. Numa cabeça de lagarta, não há tristeza. Assim ficou, imaginando-se linda… Que tonta!
De repente, apeteceu-lhe romper tudo e… voar?! Nova tontice, pensou. As lagartas não voam… Ai não?, perguntou a Natureza. Voam, pois.
E voou, não conseguiu resistir!

CANTASTÓRIAS - De cor e salteado 2015

Aqui ficam as datas e locais, guardem na agenda!!!

Leiria – 28 março – 16h00
Teatro Miguel Franco  

Coimbra – 11 abril – 16h00
Auditório do Conservatório de Música de Coimbra

Guimarães – 9 Maio – 16h00
São Mamede - Centro de Artes e Espetáculos de Guimarães

Portalegre – 6 junho – 16h00
Centro de Artes do Espectáculo de Portalegre

Santa Maria da Feira – 3 outubro – 16h00
Cineteatro António Lamoso

Castelo Branco – 7 novembro – 16h00
Cine-Teatro Avenida

Loulé – 5 dezembro – 16h00
Cine-Teatro Louletano

São três, as personagens: a Música, a Matemática e a Língua Portuguesa vão estar em palco e, importantes como sabem que são, cada uma vai mostrar que é a mais absolutamente fundamental na vida das pessoas. Só que…
Só que… já imaginou um mundo com Matemática, mas sem palavras nem ritmos? Ou um mundo de Música, mas sem organização matemática? Ou com as palavras, mas sem a harmonia dos sons?
Pois! Isso mesmo é o que as crianças e os adultos irão perceber neste espetáculo, com muitas músicas, palavras e até…  uma banda de rock, ao vivo!
Estreado em 2014, este espetáculo original tem textos e músicas de Margarida Fonseca Santos e orquestrações de Francisco Cardoso.

Se mora em Leiria, Coimbra, Guimarães, Portalegre, Santa Maria da Feira, Castelo Branco ou Olhão prepara-se! O Cantastórias - De Cor e Salteado vai mesmo à sua cidade 

Quem faz o Cantastórias – De Cor e Salteado?


As Personagens/Músicos
Maestro – Filipe Valentim (voz/saxofone/flauta)
Palavra – Carmina Repas (voz/viola de gamba)
Tabuada – Alexandra Pedro (voz)
Os músicos
Carlos Garcia – piano/clarinete
Paulo Carvalho – percussão/guitarra

Bicho faz-de-conta - Antena 1

Gravação gentilmente cedida pela Antena 1 - leitura de Raquel Morão Lopes

OUVIR

Era uma vez um bicho faz-de-conta…
Não, não era um bicho-de-conta, era mesmo um bicho faz-de-conta! Passava os dias a fazer de conta que era grande, ou que era pequeno, ou peludo, ou careca, ou feroz… Às vezes até fazia de conta que era um bicho-de-conta, coisa que não era – era um bicho que ninguém conhecia. Tinha nascido de um lápis afiado, e a borracha branca acarinhava-o muito.
Dizem que é imaginado! Vocês acreditam? Pois… eu também!

(texto: Margarida Fonseca Santos; ilustração: Francisca Torres)

Esta história saiu na revista Pais & Filhos em Maio de 2011, na rubrica histórias em 77 palavras que deu origem ao blogue (www.77palavras.blogspot.com) e cuja ilustração, da Francisca Torres, serve hoje de rosto a este projecto.
Imaginem, foi hoje lida pela Raquel Morão Lopes no noticiário das 9h da Antena 1. Porquê? Porque se falava do 1º Encontro de Literatura Infanto-Juvenil da Lusofonia, tendo como comissário José Fanha.
Ora, a Antena 1 foi a casa do meu programa Bicho-de-Conta, com Filomena Crespo e Mª José Dionísio, assistência de Umbelina Dias. Dois anos de histórias, de entrevistas e muitas amizades, uma delas a do José Fanha, que provocou tal reacção nos ouvintes que, na semana seguinte, estivemos todo o programa a ler textos provocados pelos desafios que lançou aos ouvintes.

Café Literário - 10 de Fevereiro, Covilhã

Estará comigo, para falarmos do livro De Zero a Dez, estará a Dra Soraia Ferreira, Psicóloga no Centro Hospitalar Cova da Beira, a trabalhar directamente com o serviço de Reumatologia.

Apareçam!
Pastelaria Leveda

Conversa sobre De Zero a Dez








Na quarta dia 24 de Janeiro, estarei com Catarina Marques - a grande dinamizadora do Núcleo da Dor na LPCDR e organizadora desta exposição - na Fnac de Alfragide.
No meio das fotografias extraordinárias desta exposição, falaremos do meu romance De Zero a Dez, às 19 h.
Sintam-se todos convidados!

Ávila, dia 14 de Janeiro


Na quarta-feira, dia 14 de Janeiro, estarei na reunião anual da UCB - o laboratório que permitiu à LPCDR que se comprassem livros para os doentes com menos possibilidades financeiras e que pagou a tradução e produção do livro De Zero a Dez para castelhano e inglês, para que chegue a mais doentes.

Falarei do livro e da visão do doente acerca das estratégias de vida, de medicação, de conforto e de segurança na relação com os profissionais de saúde.

Obrigada, UCB, especialmente as duas pessoas que sempre me têm acarinhado e chamado para estes passos entre instituições e doentes: Dra. Leonor Avó e Dr. António Charrua.